domingo, 31 de janeiro de 2010

Reino do Congo

O Reino do Congo ou Império do Congo foi um reino africano localizado no sudoeste da África no território que hoje corresponde ao noroeste de Angola, a Cabinda, à República do Congo, à parte ocidental da República Democrática do Congo e à parte centro-sul do Gabão.


O Reino do Congo teve importante participação
no desenvolvimento do tráfico de escravos.

Durante seu processo de expansão marítimo-comercial, os portugueses abriram contato com as várias culturas que já se mostravam consolidadas pelo litoral e outras partes do interior do continente africano. Em 1483, momento em que o navegador lusitano Diogo Cão alcançou a foz do rio Zaire, foi encontrado um governo monárquico fortemente estruturado conhecido como Congo.


Reino do Congo.

Fundado por Ntinu Wene, no século XIII, esse Estado centralizado dominava a parcela centro-ocidental da África. Na sua máxima dimensão, estendia-se desde o oceano Atlântico, a oeste, até ao rio Congo, a leste, e do rio Oguwé, no actual Gabão, a norte, até ao rio Cuanza, a sul.

O império era governado por um monarca, o manicongo, consistia de nove províncias e três reinos (Ngoy, Kakongo e Loango), mas a sua área de influência estendia-se também aos estados limítrofes, tais como Ndongo, Matamba, Kassanje e Kissama.

Nessa região se encontrava vários grupos da etnia banto, principalmente os bakongo, ocupavam os territórios. Apesar da feição centralizada, o reino do Congo contava com a presença de administradores locais provenientes de antigas famílias ou escolhidos pela própria autoridade monárquica.

Apesar da existência destas subdivisões na configuração política do Congo, o rei, conhecido como manicongo, tinha o direito de receber o tributo proveniente de cada uma das províncias dominadas. A capital era M'Banza Kongo (cidade do Congo), rebatizada São Salvador do Congo após os primeiros contactos com os portugueses e a conversão do manicongo ao catolicismo no século XVI, onde aconteciam as mais importantes decisões políticas de todo o reinado. Foi nesse mesmo local onde os portugueses entraram em contato com essa diversificada civilização africana.

A principal atividade econômica dos congoleses envolvia a prática de um desenvolvido comércio onde predominava a compra e venda de sal, metais, tecidos e produtos de origem animal. A prática comercial poderia ser feita através do escambo (trocas) ou com a adoção do nzimbu, uma espécie de concha somente encontrada na região de Luanda.


Contato entre Bakongos e Portugueses.

O contato dos portugueses com as autoridades políticas deste reino teve grande importância na articulação do tráfico de escravos. Uma expressiva parte dos escravos que trabalharam na exploração aurífera do século XVII, principalmente em Minas Gerais, era proveniente da região do Congo e de Angola. O intercâmbio cultural com os europeus acabou trazendo novas práticas que fortaleceram a autoridade monárquica no Congo.

.:: Mundo Educação / Wikipédia


Leia também!

► África Centro-Ocidental

► O Reino do Congo em finais do século XV

81 comentários:

  1. legal esse assunto! Me deu uma "luz" para o meu trabalho de História

    ResponderExcluir
  2. Nós também \o/
    AJUDOU NO DE MATEMÁTICA
    kkkkkkkk

    ResponderExcluir
  3. Mim ajudou muito nos studo de HISTÓRIA !
    Vlw \O/

    ResponderExcluir
  4. asahushaushauhs' ajuudo no Trabalho (yy

    ResponderExcluir
  5. mim ajudou no meu trabalho de história\o/

    ResponderExcluir
  6. ajudou no meu trabalho de história.

    ResponderExcluir
  7. Vlw pela ajuda no... TRAB DE HISTORIA (pra variar=))

    ResponderExcluir
  8. valeu porque minha professora de historia e o demônio e nao e nao passou nenhuma fonte para nós alunos e isso quase conclui meu trabalho

    ResponderExcluir
  9. me ajudou no trabalho de história...

    ResponderExcluir
  10. bigadu mi ajudo d+ na atividade de historia

    ResponderExcluir
  11. Visão Eurocêntrica e imprecisa quando se fala em "Reino". Na verdade, o Manicongo era o mais velho e escolhido dentro de um conselho que reunia a chefia dos vários grupos que formavam aquela civilização. A chegada dos Portugueses em nada fortaleceu o "Reino", apenas o desestruturou tornando-o intermediário do tráfico negreiro. Consulte a nova bibliografia da UNESCO para a história da África no Brasil: http://unesdoc.unesco.org/ulis/cgi-bin/ulis.pl?catno=190249&gp=1&mode=e&lin=1

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Parabéns até que fim uma visão crítica e coerente desde quando os portugueses contribuíram com os povos que viviam nas colônias.era sempre uma relação de exploração. Bem eu sou de ancestrais congolenses, meu bisavô foi escravo e fala isto

      Excluir
    2. Parabéns até que fim uma visão crítica e coerente desde quando os portugueses contribuíram com os povos que viviam nas colônias.era sempre uma relação de exploração. Bem eu sou de ancestrais congolenses, meu bisavô foi escravo e fala isto

      Excluir
    3. Por um momento eu achei que esse site tinha alguma verdade e o pior é que tem um monte de gente usando isso pra trabalho escolher. Locura

      Excluir
    4. o site tenta ser isento se aparece gente com vitimismo red é outra historia

      Excluir
  12. legal muito bom me ajudou no trabalho de his

    ResponderExcluir
  13. brigaduh me ajudou de mais no trabalho de historia!!!
    valeu bjs s2

    ResponderExcluir
  14. Muito bom,me ajudou a fazer o trabalho da escola........................................................................................................................................................................................................................................................

    ResponderExcluir
  15. Porra aii não vem dizendo nada!

    ResponderExcluir
  16. o_O
    valew me ajudouu pra caramba
    no trabalho de históriia

    ResponderExcluir
  17. legal me ajudu muito no trabalho de historia adorei!!

    ResponderExcluir
  18. Vlw, me ajudou no trabalho de história u.u

    ResponderExcluir
  19. me ajudou no trabalho história valeu !!!!!!

    ResponderExcluir
  20. obrigada sempre q tenho trabalhos de história sempre olho e as vezes copio tudo pois é mto completo obrigada por tudo e pela ajuda na hora das pesquisas de história

    ResponderExcluir
  21. Me ajudou mto no Trabalho de Historia!

    ResponderExcluir
  22. Nusss me ajudou tanto no meu trabalho de história!

    ResponderExcluir
  23. o próprio negro escravizava o negro e vendia para o branco

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. kk passou um documentario na tv estatal que um negro que admitiu isso e depois os outros chegaram nele e disseram chiu senão nossa regalia acaba no oeste

      Excluir
    2. isso explica a reação do nego bantu

      Excluir
  24. kkkk! Ich habe Google Translator, diesen Text zu übersetzen!Vielen Dank.

    ResponderExcluir
  25. de qual reino vieram mais escravos pro Brasil?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O reino do Ndongo cuja a capital chama-se Malanje situa-se no norte de Angola são a maioria dos negros do estado da Bahia São Salvador que inventaram Samba na época.

      Excluir
    2. pois os testes de dna indicam que boa parte veio do daomé em partes do sul do benim tanto que ele ate doou o trono ao museu nacional

      Excluir
    3. essa etnos da zona de luanda teve mais impacto na lingua portuguesa dai a impressão de que foram mais por causa da cultura mas sequer chega a ser bacongo nem outros é uma etnos especifica da zona do reino do congo que se tirava esse negocio branco do comercio essa concha que inclusive é base daquele povo com turbante ou seja como bem disse a mina de angola no yt os brasileiros construiram isso pois não existe la era uma moeda não item religioso e turbante era do sahel e daomé

      Excluir
    4. é só mais uma prova de que a cultura afro americana não veio pronta da africa ela juntou peças de varias zonas como daomé e luanda e a imaginação do emigrado de como seria sua terra natal como bem disse a angolana por isso que essa cultura não é encontrada do outro lado so partes dela como a concha mas o uso era economico não religioso ou seja é tudo fruto da imaginação dessa galera ate a cultura afro brasileira é matriarcal com mães de santo enquanto o daomé era machista

      Excluir
    5. se brincar ate a capoeira surgiu na america feijoada é do porto e coisas de milho da america mas o artigo da wiki tenta colocar como africano sequer cita a zona se é daomé ou lunda por é claramente mentira então não podem citar a zona especifica

      Excluir
    6. ate o leite e açucar eurasiano outros ingredientes de receitas que não tinha na africa eles empurram pra africa kk

      Excluir
    7. trigo azeite do med são africanos nuss

      Excluir
    8. queijo e vinho da provença são africanos

      Excluir
    9. soja asiatica turbante da asia são africanos so é apropriação quando o oeste pega alguma coisa no carnaval quando é o resto no do oeste é cool

      Excluir
    10. é como se a africa nada tivesse dai por que tudo tentam puxar pra africa é doentio do mc

      Excluir
  26. Excelente comentário sobre estes povos dos quais muito pouco é conhecido. Os portugueses chegaram sempre convencidos de que eram donos do que já tinha dono e pior que isto se assenhoraram destes povos os tornando escravos ou fornecedores de escravos. Excelente esse blog!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. essa é a historia red os portugueses chegaram como horizontais depois tomaram a parte sul dos bacongos e luanda criando angola sem isso angola ainda seria uma colonia do congo

      Excluir
    2. e senão me engano o congo tem indices piores que angola e a guerra civil la é pior

      Excluir
    3. a africa central tem indices piores que a meridional e angola é transitoria e garanto que se os locais não ganhassem nada com a servidão não teria rotas la ja antes apenas desviaram criaram nova rota novo mercado com o leste saturado com outro fornecedores tipo rival do daomé

      Excluir
    4. alias o congo era pequeno pra bacia zona baconga entre a zona suaile e o congo havia etnos mais arcaicas

      Excluir
  27. O Reino do Congo era Reino de todos Reino daáfrica!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. não querido era menos avançado que o sahel e suailes zulus tambem eram arcaicos

      Excluir
    2. agora dos reinos pagãos do centro sul era mesmo o maior

      Excluir
    3. mas natural era a maior bacia controlada pelos bacongos e basicamente era so o curso baixo do pantano tanto que a moeda deles era concha de angola e o produto mor do plato alem dos servos claro pois sociedades africanas tinham servidão na base pre arabes e pre oeste

      Excluir
    4. todo grande rio em algum ponto do curso tinha alguma zona notavel medio niger baixo nilo baixo congo o medio niger por causa da latitude comercial

      Excluir
    5. o deep zambeze tambem tinha comercio com a costa suaile foi encontrado la coisas do comercio indico da asia

      Excluir
  28. Gostei muito de investigar essa matéria sobre o Reino do Kongo e entendi que foi mesmo um dos grandes reinos do Mundo, sem dúvida! kkkkkkkkkkk

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. do mundo não eles tinham moeda concha produto ferro provavelmente belicosos e servidão eram notaveis comparados com os vizinhos

      Excluir
  29. Legal, só que mantem a visão europeia da história das civilizações. Em todas as versões desta parte do mundo é explicada desde o olhar europeo. Gostaria de ver aqui (como já vi em outros sites) a história africana desde os olhares africanos, e também contada não apenas desde que os intrusos europeos fizeram contato com esses povos.
    Melhor ainda se aprofundar na questão de como seria hoje a realidade dos africanos se não fossem pegos e maltratados como escravos.
    Valeu!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. querido os africanos e todos os outros povos foram maltratados como servos pois antes do oeste criar o operario todo mundo era servo das glebas ao resto os que não eram eram caçadores coletores

      Excluir
    2. a despeito disso a eurasia era mais avançada os escravos mais famosos do mundo foram eurasianos spartacus e zheng he e mesmo eles foram notaveis zheng he foi um grande navegador eunuco vc sabe o sofrimento que é ser emasculado e ele nada tinha de africano é ainda pior que a extirpação da somalia

      Excluir
    3. a diferença é que eurasianos não tinham tempo pra choramingar pro pc então ele não podia ir pedir os orgãos dele de volta tinha que ser o melhor navegador do medievo indico oriental

      Excluir
    4. o maior traficante assim como zumbi não perdeu tempo ganhou alforria aos 17 e foi traficar com o benim

      Excluir
    5. portanto essa historiografia ta mais pra red pois um proprio local na tv estatal assumiu a servidão local e outros foram nele pra dizer não fala isso senão os brancos ouvem e nossas regalias no mc acabam

      Excluir
  30. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  31. Reveja bem a origem do reino do Congo
    Seu fundador foi Numi a La me no

    ResponderExcluir
  32. Poxa estou vendo que essa matéria do Reino do Congo tem informação muito repetitivas das outras que ja li.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. obvio né a historia é sempre a mesma povos arcaicos são visitados por navegadores do indico mas como não era indico medieval tiveram de esperar os tugas buscando o indico mas depois vem os e sempre dizer que era wakanda com raio laser e que hoje seriam potencias espaciais se estavam estagnados e so sairam disso com o contacto

      Excluir
    2. navegadores avançados é só ver que ate madagascar vizinho a moçambique foi encontrada antes por borneo la nos confins ja no pacifico alem indico mais perto da polinesia

      Excluir
    3. e isso por que os malaio polinesios perto de zheng he e tugas tinham canoas

      Excluir