domingo, 9 de maio de 2010

História do Zimbábue

O Zimbabwe, Zimbábue, Zimbabué ou Zimbaué (do xona Zimbabwe, "Casa de Pedra") é um país da África Austral, anteriormente designado Rodésia do Sul e depois simplesmente Rodésia. É limitado a norte pela Zâmbia, a norte e a leste por Moçambique, a sul pela África do Sul e a sul e oeste pelo Botswana. Sua capital é Harare.




História

Os Khoisan foram os colonos originais e dominaram a região até a chegada dos bantus, no século IX, que ao longo dos séculos XIII e XIV, criaram o Império Monomotapa, cujo centro está situado nas ruínas de Grande Zimbábue. Quando em 1607 o monarca do Estado concede aos portugueses a exploração do subsolo da área, ela já se encontrava em declínio, que, em um outro tempo, graças às suas minas ouro e ao comércio de escravos chegou a manter um comércio constante com a costa do Oceano Índico.

No final do século XIX, os ingleses, dirigidos por Cecil Rhodes começam a colonizar a região com o objetivo de mineração.

A descoberta de ouro em 1867 despertou a cobiça dos Ingleses, que acabaram por ocupar o território, apesar das reivindicações de Portugal, a quem a Grã-Bretanha dirige um ultimato em 1890. A colónia ficou designada, em 1895, Rodésia em homenagem a Cecil Rhodes, que promoveu a sua constituição. A parte sul desenvolveu-se mais do que a norte. As duas Rodésias associaram-se, em 1953, com a Niassalândia para constituírem a Federação da África Central, na qual a Rodésia do Sul era a parte mais importante. Desfeita a Federação em 1963, a Niassalândia tornou-se independente com o nome de Malawi e a Rodésia do Norte com a designação de Zâmbia, mas o Reino Unido negou-se a conceder a autonomia à Rodésia do Sul por ser governada pela minoria branca: esta decretou unilateralmente a independência em 1965 e adoptou o regime republicano em 1980. O bloqueio económico decretado pela ONU e a guerrilha, que ganhou extraordinário impulso após a independência de Moçambique em 1975, fizeram com que o país ascendesse à independência em 1980, tomando então o nome de Zimbabwe. Em 1980, Robert Mugabe, o líder nacionalista negro, é eleito, submetendo o país a um regime socialista. Em 1987 é estabelecido um regime presidencial, sendo Mugabe eleito chefe de Estado. Em 1990 são retiradas progressivamente as tropas instaladas em Moçambique.

Em 1999 surgem os primeiros sinais de crise econômica e certa oposição à intervenção do Zimbábue na guerra do antigo Zaire. Até o começo de 2000 acontecem ocupações irregulares de propriedades agrícolas protagonizadas por camponeses que reivindicam as terras dos antigos colonos brancos.

É criado o Movimento para Mudança Democrática (MDC), liderado por Morgan Tsvangirai e que se transforma na principal força política da oposição a Mugabe.

Fontes: Wikipédia / G1 Notícias


► As Origens da cultura do Zimbábue

► Zimbábue: da Independência
à herança da segregação

7 comentários:

  1. muito bom mesmo em ¬¬ !!!
    fala nada do que eu quero essa porcaria

    ResponderExcluir
  2. Lugar fascinante. Sonhei com zimbábue sem mesmo ter ouvido esse nome. sei que Deus me quer lá para ajudar o povo.

    Dyego Marinho - Manaus/AM
    www.dyegomarinho.site.com.br

    ResponderExcluir
  3. eu quero estudar muito mais muito mesmo?

    ResponderExcluir
  4. Alguém sabe me dizer onde encontro um questionário sobre o assunto?
    e se por favor puder mande pelo email ou comente aqui
    email: souzamarcia692@gmail.com
    obrigado :)

    ResponderExcluir
  5. MAterial interessante:
    https://aquellasarmasdeguerra.wordpress.com/2012/09/05/armas-utilizadas-en-la-guerra-de-rhodesia1964-1979/

    ResponderExcluir
  6. Correção: O Zimbábue (na época chamado Rodésia) tornou-se uma república em 1970, e não em 1980. No mais, amei o artigo.

    ResponderExcluir